Acari e Currais Novos deixam rodízio de abastecimento de água

Acari e Currais Novos deixam rodízio de abastecimento de água
Açude Dourado em Currais Novos | Foto: Divulgação/Caern

Portal da Tropical

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) anunciou nesta segunda-feira (23) que Acari e Currais Novos deixaram o sistema de rodízio no abastecimento de água. De acordo com a companhia, a mudança de patamar se deu pelos volumes dos açudes Dourado e Gargalheiras, que estão com 100% e 19% da capacidade de armazenamento, respectivamente.

Originalmente, as cidades eram abastecidas apenas por Gargalheiras, que possui capacidade de 44 milhões de metros cúbicos. Contudo, devido à seca que atingiu o manancial em 2015, a Caern precisou adotar medidas alternativas para o abastecimento. Entre elas, o uso da água da adutora emergencial com captação na barragem Armando Ribeiro Gonçalves.

Ainda segundo a companhia, as chuvas de 2019 possibilitaram que Currais Novos passasse a ser abastecida com as águas do Dourado. Prestes a entrar em colapso, as precipitações do início de março deste ano fizeram o manancial sangrar. Com isso, o volume excendente segue para Gargalheiras que também está recuperando o volume.

Com 100% do volume, o açude Dourado envia água diariamente para Currais Novos, mas ainda precisa do reforço do açude Gargalheiras em dias alternados.

"É importante lembrar que mesmo com o abastecimento normal, a população deve continuar a fazer uso racional da água. Nesse momento de pandemia causada pelo coronavírus, a água é essencial, assim como cuidar dela. Portanto, elimine vazamentos internos, não use mangueira para regar plantas, lavar carros ou calçadas. Adote hábitos simples como fechar torneira na hora de usar o sabonete ou fazer a barba. Não deixe crianças brincando com a água. Evite banhos longos. Previna-se contra o vírus, mas não desperdice", alertou a Caern.