Açude Dourado, em Currais Novos, transborda na madrugada desta terça

Açude Dourado, em Currais Novos, transborda na madrugada desta terça
Açude Dourado, em Currais Novos | Foto: Divulgação/Igarn

Portal da Tropical

O açude Dourado, localizado em Currais Novos, no Seridó Potiguar, ‘sangrou’ na madrugada desta terça-feira (3). A informação foi divulgada pelo Instituto de Gestão das Águas (IGARN). Com capacidade de 10.321.600 m³, o reservatório é responsável pelo abastecimento da cidade. Ele foi o primeiro, dos 47 mananciais com mais de 5 milhões monitorados pelo Igarn, a transbordar. O aumento do volume é resultado das últimas chuvas que vêm caindo na região.

Antes de transbordar, o açude Dourado já demonstrava números positivos, conforme o Relatório de Situação Volumétrica dos Principais Reservatórios Estaduais divulgado pelo instituto na segunda-feira (2). O reservatório, que até a última semana estava com 1,71% da sua capacidade total, que é de 10.321.600 m³, tinha passado para 8.362.432 m³, correspondentes a 81,02% do volume máximo de acumulação.

O relatório mais recente do Igarn também trouxe informações acerca dos demais reservatórios que receberam recargas consideráveis foram. Malhada Vermelha, localizado em Severiano Melo, passou de 4,34% da capacidade total para 9,92%; Riacho da Cruz passou de 65,68% para 76,91% e Santo Antônio de Caraúbas passou de 35,47% para 47,99%.

A Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, maior reservatório estadual, com capacidade para 2,37 bilhões de metros cúbicos acumula, atualmente, 540.612.395 m³, correspondentes a 22,78% da capacidade total. Na última semana, o manancial estava com 534.605.124 m³, correspondentes a 22,53% do volume total. No mesmo período de 2019, a barragem estava com 487.292.867 m³, correspondentes a 20,30%.

A barragem Santa Cruz do Apodi, que possui capacidade para 599.712.000 m³, atualmente acumula 112.172.562 m³, correspondentes a 18,7% da capacidade total. Na última semana, o reservatório estava com 108.329.758 m³, o que corresponde a 18,06% do volume total.

O açude Umari, com capacidade para 292.813.650 m³, atualmente acumula 79.982.782 m³, correspondentes a 27,32% da capacidade total. No final de fevereiro, o manancial acumulava 80.248.211 m³, correspondentes a 27,41% do volume máximo de acumulação.

O açude Marechal Dutra (Gargalheiras), localizado em Acari, atualmente acumula 2.986.413 m³. Percentualmente, 6,72% da capacidade total, que é de 44.421.480 m³. Já o açude Itans, localizado em Caicó, que estava seco, recebeu pequena recarga, acumulando 40.513 m³, o que corresponde a 0,05% do volume total, que é de 75.839.349 m³.