Metade dos espanhóis terá alívio em isolamento após queda nas mortes diárias

Número diário de mortes por coronavírus no país caiu para 179 neste sábado. Afrouxamento do confinamento permitirá que as pessoas se desloquem por sua província.

Metade dos espanhóis terá alívio em isolamento após queda nas mortes diárias
Uma mulher faz exercícios de alongamento e respiração na varanda durante o confinamento em meio ao surto de doença por coronavírus (COVID-19) em Madri, na Espanha — Foto: Susana Vera/Reuters

O número diário de mortos na Espanha por coronavírus caiu no sábado (9) para o segundo nível mais baixo desde meados de março, num momento em que metade do país se prepara para passar à próxima fase de saída de um dos mais rígidos lockdowns da Europa.

A Espanha começou a afrouxar seu confinamento nesta semana, mas a Fase 1 incluirá um considerável alívio das medidas, permitindo que as pessoas se desloquem por sua província, participem de shows e se dirijam aos teatros. Serão permitidas reuniões de até 10 pessoas.

O número diário de mortes por coronavírus no país caiu para 179 no sábado, ante 229 no dia anterior, cifras bem abaixo das mais de 900 registradas no início de abril.

O total de mortes acumuladas aumentou para 26.478, enquanto o número de casos diagnosticados subiu de 222.857 para 223.578, informou o Ministério da Saúde.

"Conseguimos recuperar 99% da área perdida pelo vírus", disse o primeiro-ministro, Pedro Sánchez, em um discurso televisionado no sábado. Mas ele alertou as pessoas que estão passando para a Fase 1 para serem "prudentes" e "cautelosas".

Cerca de 51% da população progredirá para a Fase 1 de um plano de flexibilização em quatro etapas na segunda-feira.

G1